• Sandra Sisla

Mãos e pés na boca

Atualizado: 2 de Jul de 2018


Você sente aflição do seu bebê pôr a mão na boca? Acha que ele vai chupar o dedo e ficar por 10 anos chupando??

Quando seu bebê chupa a mão ele está fazendo uma conquista incrível que é conseguir levar mão á linha media, então ele enxerga a própria mão e a coloca na boca, parece simples, não é? Antes disso ele é todo reflexo e uma das primeiras conquistas é colocar as mãos na linha media e controlando a cabeça, conectar mão e boca.


A boca e as mãos possuem muitos neuroreceptores, especialmente para o exercício de amamentar desde o inicio, depois as mãos estarão ativas para sentir e apreciar o mundo. Serão estas partes do corpo que estarão fortemente estimuladas.


O tato, na evolução dos sentidos, foi o primeiro a surgir, a experiencia tátil tem efeito significativo sobre o desenvolvimento e comportamento humano, segundo Ashley Montagu.

Quando o bebê põe a mão na boca, ele faz um registro fantástico, desenhando no cérebro as representações proporcionais da mão e da boca. Segundo os registros de mapas sensoriais do homúnculo sensorial no cortex, a boca e a mão são enormes comparadas a outras partes do corpo. Isto significa que foram sensorialmente muito requisitadas e utilizadas


Deixar os bebês colocarem a mão na boca, significa que poderão ser grandes pianistas, músicos, artistas, artesão, terão a manualidade expandida e aperfeiçoada e sua experiência tátil ampliada.


Os bebês do mundo todo põe a mão na boca, Isso é natural e saudável. Sim ele vai achar o dedinho e chupar também mas se estiver satisfeito e bem nutrido afetivamente, não será um chupador de dedo até os 10.


Por favor tirem as luvas, isso só deixa o bebê ansiosos porque querem sentir o mundo com as mãos e não conseguem.

Mão e pés na boca, conquistas e aprendizados


19 visualizações

© 2018 Criado por Kalinka Araneda